23
março
2020
COVID-19: MUNICÍPIO DE VISEU CRIA LINHA DE EMERGÊNCIA SOCIAL

A Câmara de Viseu lançou uma linha de emergência social para auxiliar na resposta a bens e serviços básicos e urgentes, durante o período crítico da pandemia da covid-19.

“VISEU AJUDA” é o nome da linha que funciona todos os dias, entre as 09:00 e as 20:00 (através do número gratuito 800 210 098 ou do email viseuajuda@cmviseu.pt).

Segundo a autarquia, “destina-se exclusivamente a pessoas e famílias residentes no concelho, carenciadas, em isolamento, mobilidade reduzida ou outra situação de emergência social, que necessitem de uma resposta imediata para um conjunto de bens e serviços básicos, urgentes e inadiáveis”. pode ler-se no comunicado.

A “Viseu Social” vai receber e encaminhar, através da rede social concelhia, pedidos urgentes para resposta a quatro tipos de serviços, entre os quais “fornecimento/entrega de refeições a pessoas carenciadas ou em situação de quarentena” e “aquisição e/ou transporte de medicamentos (não inclui o pagamento dos mesmos, com exceção de situações de carência comprovada)”.

Está ainda previsto auxílio com a compra e transporte de bens de supermercado, “que não inclui o pagamento dos mesmos, com exceção de situações de carência comprovada”, além de “pequenas reparações domésticas urgentes, que ponham em causa a habitabilidade da casa, e destinadas a famílias carenciadas e idosos a partir dos 70 anos.

Para o presidente da autarquia, Almeida Henriques, esta linha vem “agilizar e garantir respostas sociais urgentes ao domicílio, que não as correntes prestadas pela Segurança Social e pela ação social do município, facilitando o acesso de pessoas e famílias em situação de emergência às respostas da rede social concelhia e articulando os serviços das diferentes entidades”.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 341 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 15.100 morreram.

Em Portugal, há 23 mortes e 2.060 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde.

Dos infetados, 201 estão internados, 47 dos quais em unidades de cuidados intensivos.

Portugal encontra-se em Estado de Emergência desde as 00:00 de quinta-feira e até às 23:59 de 02 de abril.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM

Copiar link da notícia